América Latina tem 1º caso de varíola dos macacos confirmado na Argentina

De acordo com órgão, o paciente contaminado voltou de uma viagem à Espanha no dia 16 de maio e procurou atendimento em um hospital de Buenos Aires no domingo, 22, com lesões pelo corpo e febre


Foto: Melina Mara/The Washington Post via Getty Images

Equipe Focus
focus@focus.jor.br

O Ministério da Saúde da Argentina confirmou o primeiro da América Latina, nesta sexta-feira, 27. A informação foi divulgada pelo jornal Clarín.

De acordo com órgão, o paciente contaminado voltou de uma viagem à Espanha no dia 16 de maio e procurou atendimento em um hospital de Buenos Aires no domingo, 22, com lesões pelo corpo e febre.

Nesta sexta, a chefe da Divisão Global de Preparação para Riscos Infecciosos da Organização Mundial da Saúde (OMS), Sylvie Briand, pediu que as autoridades internacionais reajam rapidamente para conter a propagação da varíola dos macacos.

Cerca de 300 casos tiveram confirmação em 22 países desde 7 de maio, quando o primeiro paciente foi diagnosticado com a doença no Reino Unido.

Com informações do Metróples