Alto índice de desemprego eleva o número de pessoas que buscam pelo próprio negócio

Os empreendedores já somam mais de 8 milhões de brasileiros, sendo 260 mil no Ceará


Equipe Focus
focus@focus.jor.br

Dados oficiais do governo federal, divulgados no Portal do Empreendedor, registram aumento no número de brasileiros que apostam no negócio próprio para fugir do alto índice de desemprego registrado no país, que atingiu cerca de 13,2 milhões de pessoas, em abril deste ano (dados do IBGE).

Abril também registrou 8.428.241 Microempreendedores Individuais formalizados no Portal do Empreendedor ou optantes do SIMEI – Simples Nacional. Deste total, 267.771 estão no Ceará. A maioria dos MEIs ocupa a faixa etária entre 31 e 40 anos, que repercute em mais de 2,5 milhões de pessoas, ou 31% do total.

Para o contador e consultor financeiro, Marcos Sá, essa crescente no número de registros representa que os brasileiros, por um lado, não estão se acomodando com a falta de oportunidades do mercado. “Por outro lado, mesmo com dificuldades, uma nova leitura que pode ser feita é em relação ao momento oportuno para adiantar sonhos. Principalmente daqueles que desejavam um dia tocar o próprio negócio, pois de alguma forma se sentem bem gerindo o que gostam”, ressalta.