Filiação de Danilo Forte ao DEM reúne políticos de lados opostos

O prefeito Roberto Cláudio e o ex-governador Lúcio Alcântara estiveram presentes ao ato, porém sentados em lados opostos da mesa


A filiação de Danilo Forte reuniu em um só ato lados opostos da política cearense, que não por coincidência ocuparam os extremos diferentes da mesa. Enquanto o prefeito Roberto Cláudio sentou-se a esquerda de Danilo Forte, o ex-governador Lúcio Alcântara, presidente do PR, esteve no lado direito da mesa.

Roberto Cláudio, que não ficou até o fim do evento, justificou a presença afirmando que o DEM é um antigo aliado e que a presença do vice-prefeito Moroni Torgan é a demonstração mais clara da ligação municipal entre DEM e PDT. Mas desconversou quando o assunto é aliança para eleição estadual. “Em Fortaleza, temos o prazer de ter o DEM conosco. Para eleição estadual, a condução será do governador Camilo Santana, que, acredito eu, irá procurar esta aliança”, afirma.

Lúcio Alcântara também negou qualquer motivação partidária no ato. “Somos amigos a muito tempo e ele (Danilo Forte) teve a deferência de me convidar. Somente isso, nada de pretensão partidárias”, afirmou